Você está aqui: Página Inicial / Graduação / Biblioteconomia / Informes / Pesquisas do curso de Biblioteconomia são premiadas com Excelência Acadêmica e Prêmio Destaque do CNPq
08/02/2020 16h12 - Atualizado em 11/02/2020 17h10

Pesquisas do curso de Biblioteconomia são premiadas com Excelência Acadêmica e Prêmio Destaque do CNPq

Os trabalhos foram avaliados durante o 29° Encontro de Iniciação Científica – PIBIC & o 12° Seminário de Iniciação Tecnológica – PBITI

Discente: Paulo Daniel M. dos Santos; Profa. Francisca Rosaline L. Mota; Discente: Ane Caroline S. Melo Discente: Patricia Pedri; Prof. Ronaldo Araújo

Nelma Camêlo de Araujo

A Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação/Propep, através da Coordenação de Pesquisa/CPq, divulga a relação dos 126 (cento e vinte e seis) melhores trabalhos apresentados durante o 29° Encontro de Iniciação Científica – PIBIC & o 12° Seminário de Iniciação Tecnológica – PIBITI, sendo 115 alunos PIBIC e 11 PIBITI. Os referidos trabalhos foram apresentados no Campus A. C. Simões, no período de 22 a 24/10/2019. 

Segundo a Propep foram selecionados 31 (trinta e um) alunos para concorrer ao 17º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica – 2019/CNPq e 91 (noventa e um) alunos para participar da 72ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - SBPC/UFRN, no período de 12 a 18 de julho de 2020, sendo 81 (oitenta e um) alunos do Pibic e 10 (dez) do Pibiti.  A Pró-reitoria divulgou a lista de todos os orientadores e alunos selecionados para receberem CERTIFICADOS DE EXCELÊNCIA ACADÊMICA e Prêmio Destaque do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) (https://ufal.br/ufal/pesquisa-e-inovacao/programas/pibic/edicoes/2018-2019/excelencia-academica-2018-2019-ufal.pdf/view).

O Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica tem como objetivo premiar bolsistas de Iniciação Científica e Tecnológica do CNPq que se destacaram durante o ano, sob os aspectos de relevância e de qualidade do seu relatório final, o referido prêmio é destinado aos alunos que foram contemplados com a Excelência Acadêmica e foram bolsistas do PIBIC ou PIBITI, na cota CNPq. De acordo com o regulamento: “Os bolsistas de Iniciação Científica e Tecnológica do CNPq, indicados para concorrer ao Prêmio, são aqueles que apresentaram os melhores relatórios, classificados ou premiados pelo comitê interno ou externo nas jornadas, salões ou seminários realizados nas instituições de ensino e pesquisa no 2º semestre de 2019”.  O Curso de Biblioteconomia teve duas pesquisas premiadas com Excelência Acadêmica e Prêmio Destaque do CNPq. 


O projeto “Tecnologia, informação e inovação para superar os desafios no tratamento e organização dos prontuários de pacientes do SAME/HUPAA/UFAL/EBSERH” coordenado pela Profa. Dra. Rosaline Mota foi agraciado com o Prêmio Excelência Acadêmica da UFAL. O projeto possui o objetivo de estudar o uso da informação e das tecnologias com vistas a otimizar os processos de tratamento documental dos prontuários de pacientes atendidos no Hospital Universitário Professor Alberto Antunes e contribuir de forma significativa para a melhoria dos processos de gestão administrativa do HU, a comunicação entre as equipes multiprofissionais e, consequentemente, para a assistência dos pacientes atendidos. Participam da pesquisa os estudantes Ane Caroline dos Santos Melo e Paulo Daniel Marcos dos Santos.

A Profa. Dra. Rosaline Mota ressalta que os resultados esperados são “a compreensão da efetividade do tratamento e organização dos Prontuários de Pacientes; o delineamento de métodos e tecnologias inovadoras que possam ser empregadas com vistas a obter o máximo de integridade física dos documentos arquivados; a observância de mecanismos que possam garantir a segurança aos documentos físicos e digitais; a proposição de estratégias que viabilizem o controle total do acesso físico aos documentos, melhoria da qualidade e maior conforto no ambiente de trabalho e a otimização dos processos de tratamento, organização e gestão da informação no âmbito interno do SAME”. Além disto, a professora complementa que “a iniciação científica é o primeiro grande passo para formarmos grandes pesquisadores, possibilita ampliar os horizontes acadêmicos e proporciona aos estudantes envolvidos uma experiência rica e única. Estou muito feliz com o desempenho de meus estudantes e a oportunidade de representarmos a UFAL na 72a. Reunião Anual da SBPC que é considerado o maior evento científico da América Latina”.

A estudante Anne Caroline afirma que “A pesquisa de iniciação científica é de suma importância para nós graduandos, pois nos faz refletir de forma coerente e segura a respeito de vários assuntos, nos auxiliando no desenvolvimento de diferentes conhecimentos como também ampliando nossa visão sobre determinado acontecimento ou assunto, com técnicas práticas e/ou teórica. São conhecimentos que levamos para toda vida e que a partir deles podemos fazer a diferença na sociedade, trazendo melhorias em diversas áreas e resolvendo vários problemas. Lembrando também que a iniciação científica aprimora nossas habilidades e nos deixa mais aptos a ingressar em uma futura pós-graduação. Dessa forma todos ganham, estudante, sociedade e universidade”. (Acesse aqui para mais informaçõe sobre o projeto).


Tendo como questão de pesquisa a compreensão de qual a atenção online os artigos de periódicos da área de ciência da informação recebem na web social, a pesquisa "Altmetria e atenção online de artigos de periódicos da ciência da informação" propõe o monitoramento de métricas alternativas para artigos de periódicos eletrônicos desta área por meio do mapeamento e visualização de dados sobre a circulação da produção científica da área recebe em ferramentas e fontes online como matérias em portais de notícias, blogs e redes sociais. O estudo é parte da pesquisa "Monitoramento de Métricas Alternativas e Atenção Online de Artigos de Periódicos da Ciência da Informação", financiada pelo CNPq Chamada Universal 2017 (Processo: 426777/2016-6) e coordenada pelo Prof. Dr. Ronaldo Ferreira de Araújo. 

 

Na pesquisa, o Plano de Trabalho "Divulgação e avaliação de desempenho altmétrico de artigos de periódicos de ciência da informação" desenvolvido pela discente Patrícia Pedri recebeu Excelência Acadêmica da UFAL e conquistou Prêmio Destaque do CNPq. O plano tinha por objetivos: revisar estudos sobre divulgação científica na web social; identificar um grupo de artigos para divulgação e acompanhamento; levantar fontes e canais da web social nos quais os artigos serão divulgados; proceder a divulgação e monitorar seus resultados por meio de métricas adequadas. Para o Coordenador do projeto a pesquisa apresenta o desafio de se pensar a divulgação científica uma vez que não estamos muito habituados com suas práticas, visto que na academia a ênfase dada se concentra mais nos atos de produção e publicação. A bolsista Patricia Pedri destacou a contribuição da iniciação científica na sua formação e trajetória acadêmica e ressaltou ainda a importância da participação no projeto de pesquisa. Segundo ela "informar a população sobre a produção científica é fundamental, especialmente no atual momento político do país no qual a ciência sofre ataques e perde apoio".

Parabenizamos aos docentes e discentes pela premiação, a qual vem confirmando a excelência na pesquisa científica desenvolvida no Curso de Biblioteconomia da UFAL.

 

FONTE: Coordenação do Curso