Você está aqui: Página Inicial / Informes / Saber-fazer do doce de caju de Ipioca torna-se patrimônio imaterial de Alagoas
21/01/2014 13h19 - Atualizado em 07/10/2014 09h38

Saber-fazer do doce de caju de Ipioca torna-se patrimônio imaterial de Alagoas

O doce de caju de Ipioca tornou-se Patrimônio Cultural Imaterial de Alagoas com registro no Livro de Saberes. O dossiê contendo todas as informações e documentação escrita e áudio-visual sobre a receita e como fazer o doce foi elaborado pelos alunos da disciplina Prática do Restauro 2012.1 e 2008.1, ministrada pela professora Josemary Omena e acompanhado em estágio docência pela mestranda do DEHA Mariana Freitas.  Os conselheiros do Conselho de Cultura-AL/SECULT-PROMEMORIA analisaram o dossiê e concederam o título em homenagem ao doce alagoano. Mais uma contribuição dos alunos da FAU para a cultura de Alagoas.