Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2008 / 06 / Crianças desnutridas recebem atendimento multidisciplina
31/12/1969 00h00 - Atualizado em 13/08/2014 12h11

Crianças desnutridas recebem atendimento multidisciplina

Inauguração do CREN em agosto de 2007

Lenilda Luna – jornalista

O Centro de Recuperação e Educação Nutricional – CREN – foi constituído em Maceió desde 2001, mas só conseguiu a estrutura mínima para entrar em funcionamento em agosto do ano passado. Com recursos do BNDES foi construída uma sede própria, com espaço para a cozinha, atividades educativas, atendimento ambulatorial, recreação e brinquedoteca. Também foram firmados convênios com instituições parceiras para o fornecimento de todos os recursos necessários ao atendimento da comunidade.

O CREN é presidido, em Alagoas, pela nutricionista Telma Toledo, que realizou uma ampla pesquisa sobre as condições nutricionais de crianças da comunidade do conjunto Denisson Menezes, que fica nos fundos da Universidade Federal de Alagoas. A pesquisa da médica foi defendida como tese de doutorado e constatou a necessidade de uma atuação efetiva para combater a situação de desnutrição das crianças da comunidade. “As premissas do trabalho do CREN são a atenção à pessoa e a sua realidade. Dessa forma é possível uma abertura ao diálogo e a construção de um relacionamento que permite que as pessoas e as comunidades atendidas participem das soluções dos seus problemas”, enfatiza Telma Toledo.

Atualmente, o CREN Maceió atende em semi-internato 65 crianças, na faixa etária de 1 a 6 anos. “Existe um menino que já passou dessa idade, mas como está muito desnutrido, nós abrimos uma exceção e ele continua conosco”, explica Gabriela Rossister, nutricionista do CREN. Ela é formada pela Ufal e atua na comunidade desde estudante. “O CREN é um campo de estágio muito rico para nutricionistas, pediatras e outros profissionais da área de saúde que se comprometem com a melhoria das condições de saúde das comunidades de baixa renda”, explica Gabriela.

No Centro, as crianças fazem cinco refeições: café da manhã, lanche, almoço, lanche da tarde e jantar. O cardápio é balanceado e adequando às necessidades nutricionais das crianças com quadro de desnutrição médio ou grave. Além do acompanhamento alimentar, as crianças recebem acompanhamento pediátrico, participam de atividades lúdicas e também são acompanhadas pedagogicamente em três turmas, sendo que as maiores já participam de uma pré-alfabetização.

“Sempre explicamos às mães que o CREN não é uma creche. Apesar das atividades educacionais e recreativas, as crianças selecionadas para o semi-internato estão com quadro sério de desnutrição e estão aqui para serem atendidas e conseguirem se recuperar. Isso passa também pelo acompanhamento familiar”, explica Gabriela.

As crianças com desnutrição leve não ficam no CREN, mas são atendidas em ambulatório e acompanhadas quinzenalmente. Além disso, as crianças são incluídas no programa do leite. Outra atividade do Centro é a realização de oficinas com as mães, para que elas aprendam a aproveitar melhor os alimentos, dentro das condições limitadas em que vivem. “Não adianta apresentar propostas que essas famílias não possam adotar, mas podemos ensiná-las a aproveitar melhoras as frutas, verduras e legumes que elas conseguem obter, e, dentro das condições delas, proporcionar uma alimentação melhor para toda a família.

História

O CREN existe em várias partes do Brasil e é “um instrumento para erradicar a desnutrição das crianças brasileiras, nos mesmos moldes ocorridos em outros países. Hoje, possui dois setores de atuação: o de Assistência, que presta atendimento direto à comunidade, e o de Projetos, que promove o combate à desnutrição através de ações no Brasil e no mundo”.

O primeiro CREN foi fundado em dezembro de 1993, fruto do trabalho realizado em favelas de São Paulo por profissionais da área de saúde e nutrição da Universidade Federal de São Paulo, por meio da Escola Paulista de Medicina, e com financiamento da AVSI - Associação de Voluntários para o Serviço Internacional, Ong sediada na Itália.

Parcerias

O CREN conta com a parceria de várias empresas e instituições e tambémcom a participação de voluntários. Qualquer pessoa pode colaborar com o trabalho através de doações ou trabalho voluntário. O Centro acolhe voluntários de todas as áreas, em especial: recreacionistas, auxiliar-administrativo; ajudante de cozinha; recepcionista; violeiro; professor de música; office-boy; organizador de bazar; ajudante de limpeza; cozinheiro; assessor de imprensa; manutenção; nutricionista, entre outros.

As doações podem ser feitas em: apoio financeiro para a manutenção da unidade no conjunto Denisson Menezes; passes de ônibus; alimentos não perecíveis para as famílias; brinquedos e livros infantis; roupas e calçados para criança, computador; impressora; remédios; fraldas descartáveis.

Para mais informações, entrar em contato com o CREN Maceió: tel 3322-1361. Email: crenmaceio@cren.org.br