Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2018 / 5 / Pesquisadores debatem História e Marxismo na Ufal
15/05/2018 17h19

Pesquisadores debatem História e Marxismo na Ufal

O simpósio é promovido por um grupo da Associação Nacional de História

Participantes de várias universidades participam do Simpósio

Lenilda Luna - jornalista

O Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes (Ichca) está sediando o 2° Simpósio Nacional História e Marxismo, promovido Grupo de Trabalho História e Marxismo, formado 2005, no âmbito da Associação Nacional de História.

As conferências foram abertas na noite da segunda-feira (14) e continuam até quinta-feira (17), com o tema 200 anos de Marx e o capitalismo hoje, em homenagem ao filósofo Karl Marx, que nasceu em 5 de maio de 1818, na Prússia.

As comunicações relacionadas ao tema central abordam Marxismo e História; Ditadura e Democracia; Neoliberalismo e Hegemonia; Mundos do Trabalho’; Crise do Capital; Conjuntura Brasileira e Mundial; Direita, Conservadorismo e Mobilização Social. "São reflexões teóricas relacionadas às temáticas clássicas do marxismo e da historiografia marxista", informa Aruã Lima, um dos organizadores.

Participam do evento estudantes, professores e pesquisadores de todas as regiões do país que realizam pesquisas no âmbito do marxismo. "São pesquisas inspiradas por esta influente corrente de pensamento. Há também muitos estudos sobre as organizações de esquerda no Brasil e no mundo", informa o professor.

A conferência de encerramento será proferida na quinta-feira, às 19h30, no auditório do CIC,  pela historiadora Virginia Fontes, doutora em Filosofia pela Universidade de Paris, com o tema Imperialismo, Luta de Classes e o Capitalismo Hoje.


Mais informações aqui