Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2017 / 9 / Variada programação marca 32ª Semana de Biologia
05/09/2017 13h42 - Atualizado em 05/09/2017 16h37

Variada programação marca 32ª Semana de Biologia

Evento foi aberto nesta segunda-feira e encerra amanhã, dia 6

Minicurso da SemaBio

Diana Monteiro - jornalista

Palestras, mesa-redonda, oficinas, minicursos e apresentação de trabalhos integram a 32ª Semana de Biologia (SemaBio), promovida pelo Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde (ICBS), da Universidade Federal de Alagoas. O evento transcorre até esta quarta-feira (6), e a abertura, que contou com a participação da reitora Valéria Correia, na manhã de ontem, no auditório Vera Rocha, foi marcada pela palestra Biotecnologia aplicada à área de saúde, com o professor Ênio José Bassi, da Ufal.

Nesta terça-feira (5) a programação contempla os três horários, e começa às 7h30 com minicursos no ICBS, no Laboratório DNA Forense (Farol) e no Parque Municipal de Maceió, no bairro de Bebedouro. No final da manhã foram definidas as seguintes palestras: Micoses de importância veterinária, com o biólogo Marcílio Ferreira de Melo; Um hotspost dentro de outro hitspost: esec de Murici e as aves mais ameaçadas do mundo, com o biólogo Hermínio Alfredo Leite e o graduando Arthur Barbosa, do ICBS. Haverá ainda, a palestra Restauração Ecológica, com a professora Flávia de Barros.

No período da tarde terão minicursos e as seguintes oficinas: A importância de diferentes instrumentos avaliativos para o ensino de Ciências, com os professores Saulo Verçosa, Maria Danielle Mota e os graduandos Alexandre Rodrigues, Almir Rocha, Amanda de Melo, Maria Bernadete Ferreira e Carla Alves Torres; e Jardim suspenso: plantio em kokedama, a ser ministrada pela professora e diretora do ICBS, Iracilda Moura.

Ainda nesta terça-feira, das 17h às 19h30, transcorrerão as palestras: Desafios e perspectivas do biólogo na produção acadêmico-científico na Universidade, nos dias atuais, com o professor Ozinaldo Oliveira; e A viagem de Von Martius pelo Brasil e o conhecimento da flora e fitogeografia do país, com a professora Letícia Ribes Lima. Também está programada a mesa- redonda A contribuição do Estágio Supervisionado para o licenciado de Ciências Biológicas, com os professores Saulo Verçosa, Giana Raquel Gouveia, Maria Danielle Mota e Sineide Montenegro.

Já nesta quarta-feira (6), o evento começa com minicursos, a partir das 7h30; e das 9h às 11h horas será a vez da oficina Construção de modelos didáticos, com a professora Cleide da Silva Oliveira. Está marcada para às 10h a palestra Instituto Biota de Conservação: ações em prol do ambiente e da fauna marinha, com a mestranda Waltyane Alves. Das 11 às 12h30, haverá a palestra Reparação tecidual: aspectos básicos e fatores relacionados com o processo de cicatrização, com a professora Andreia Espíndola. E as demais: Regeneração no Sistema Nervoso humano, com o professor Carlos Pereira e Tensões religiosas no ensino de Ciências Biológicas, com o professor Gabriel Le Campion também serão proferidas no final da manhã.

As apresentações de pôsteres e minicursos vão ser na quarta-feira, das 13h às 17h. Das 14h às 15h30 estão definidas as seguintes palestras: Das possessões demoníacas à doenças neurológicas: um panorama histórico do entendimento da epilepsia, com a mestranda Carmem Lúcia Arroxelas; e o Uso de energias renováveis para o desenvolvimento sustentável, com o professor Leonardo Lacerda. 

A palestra com o professor Jorge Luiz Lopes será às 14h como tema Cavernas: um HD da biodiversidade e dos ambientes pretéritos, e em seguida, terão as solenidades de premiação e encerramento.

A Semana de Biologia consolida-se como um evento de grande importância para a comunidade acadêmica e envolve alunos da graduação (bacharelado e licenciatura), da pós-graduação, bem como pesquisadores das áreas de Ciências da Saúde, Biodiversidade e Ensino de Ciências e Biologia.