Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2017 / 4 / Pró-reitor participa de estágio na Academia Chinesa de Ciências
20/04/2017 12h33 - Atualizado em 24/04/2017 11h34

Pró-reitor participa de estágio na Academia Chinesa de Ciências

Pela primeira vez, um pesquisador brasileiro participou deste programa

Alejandro Frery com um dos professores do Programa na China

Danielly Bezerra - estudante de Relações Públicas

O professor Alejandro César Frery Orgambide, à frente da Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação (Propep) da Ufal, retornou no início do mês de março após dois meses inserido em um estágio para capacitação no Northwestern Institute of Eco-Environment and Resources, promovido pela Chinese Academy of Sciences (CAS), localizada na cidade de Lanzhou, estado de Gansu, na China.

O programa, intitulado The Chinese Academy of Sciences President’s International Fellowship for Visiting Scientists, que teve como anfitrião desse convite o professor Xin Li, é mantido pela CAS e recebe pesquisadores de diversos países para atividades de pesquisa e extensão. O programa vem se consolidando no decorrer dos anos e, recebeu, pela primeira vez, um pesquisador do Brasil. “A dimensão dos Institutos de Pesquisa que visitei é invejável. É claro o investimento que a China faz em pesquisa científica e em transferência de tecnologia, tanto em infraestrutura quanto em recursos humanos. Impressiona particularmente a forma de gestão, com pouquíssimos cargos permanentes e um elenco de jovens pesquisadores focados na produção científica e tecnológica de qualidade. Há claramente uma visão de estado, com o objetivo de alcançar e manter patamares internacionais”, afirmou.

Durante a participação no estágio de capacitação, o pró-reitor teve a oportunidade de visitar a cidade de Sanya e compartilhar os avanços de suas pesquisas em modelagem e análise de dados de polarimetria em microondas, participando inclusive da 29ª Reunião do Grupo Diretor Científico do WCRP/GEMEX (Programa Mundial de Pesquisas Climáticas). Alejandro também ministrou palestras e minicursos com temas como How to be lucky publishing, Elements of Practical Statistical Inference e Statistical Models & Model Fitting.

A CAS, sediada em Pequim, na China, foi fundada em 1949 e reúne cientistas e engenheiros do país e de todo o mundo para abordar problemas teóricos e aplicados usando abordagens científicas e de gestão de classe mundial. Como descrito no site da academia, a CAS “é a pedra angular do impulso da China para explorar e aproveitar a alta tecnologia e as ciências naturais para o benefício da China e do mundo”. Atualmente, são mantidos 39 centros de transferência de tecnologia e incubação e mais de 250 entidades de pesquisa conjunta. Somente no ano de 2014, as mais de 700 empresas derivadas da CAS representaram cerca de US$ 56 bilhões.

Outras atividades

Logo após concluir o estágio de capacitação na academia chinesa, na primeira semana do mês de março, o professor Alejandro seguiu para Miami (EUA) e participou da primeira reunião anual do IEEE Geoscience and Remote Sensing Society. O Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (em inglês, IEEE), de origem norte-americana, é a maior organização profissional do mundo dedicada ao avanço da tecnologia em benefício da humanidade e sem fins lucrativos. O pró-reitor, que já atuava como Editor Chefe do periódico IEEE Geoscience and Remote Sensing Letters, foi reconduzido para o cargo por mais dois anos (biênio 2017-2018).

“Ser o Editor Chefe de um periódico tipo Letters é um enorme desafio. É necessário aliar qualidade e rapidez, para levar à comunidade científica especializada trabalhos inovadores que abordem problemas de grande interesse. O foco da minha gestão tem sido na qualidade do produto entregue. Para satisfação da IEEE Geoscience and Remote Sensing Society, na última avaliação de periódicos indexados, este veículo aumentou o seu fator de impacto de aproximadamente 1,8 para mais de 2. Com isso, ele se posicionou firmemente no primeiro quartil dos periódicos da sua área. O mesmo crescimento pode se afirmar quando observadas métricas de prestígio como, por exemplo, o Eigenfactor e o Article Influence. É uma grande honra ser reconduzido para esse cargo, representando assim a Ufal no cenário dos melhores periódicos científicos”, destacou Alejandro.

A segunda reunião da Sociedade está marcada para o mês de julho, em Fort Worth/Dallas, no estado do Texas, por ocasião do International Geoscience and Remote Sensing Symposium (IGARSS), e a terceira e última reunião do ano acontece em novembro, na cidade de Atlanta, Geórgia, ambas nos Estados Unidos e com a participação confirmada do pró-reitor.

Para consultar a produção mais recente de Alejandro Frery ligada à sociedade, clique aqui.