Você está aqui: Página Inicial / Informes / Inscrições para o Programa de Bolsas Luso-Brasileiras 2016 estão abertas
28/04/2016 14h11 - Atualizado em 27/05/2016 07h23

Inscrições para o Programa de Bolsas Luso-Brasileiras 2016 estão abertas

O Programa de Bolsas Luso-Brasileiras Santander Universidades está disponibilizando cinco bolsas para a Universidade Federal de Alagoas (Ufal). A iniciativa promovida entre a universidade e o banco permite que os estudantes possam expandir seus conhecimentos a partir do intercâmbio em instituições de Portugal.

As bolsas são para o primeiro semestre de 2017 da Ufal, o qual é referente ao segundo semestre letivo 2016/2017 do calendário acadêmico das universidades portuguesas. O programa integra a Universidade do Porto, Universidade de Coimbra, Universidade de Évora e Universidade Nova de Lisboa.

Serão disponibilizadas cinco bolsas para alunos regularmente matriculados em cursos de graduação presencial e Educação a Distância (EaD) em 2016, sendo que cada aluno contemplado deverá permanecer estudando seis meses e receberá valor correspondente a R$ 13.800,93, o que equivale a 3.300 euros. Esse dinheiro serve para cobrir todos os gastos do estudante com transporte, alojamento, seguro internacional de saúde e de vida e refeições, inclusive gastos adicionais incorridos pelos cônjuges, dependentes ou eventuais acompanhantes.

O programa tem como objetivo possibilitar a concessão de bolsas de estudo a alunos de graduação, regularmente matriculados, em efetivo exercício de suas atividades na instituição, para cursar disciplinas de graduação em instituições portuguesas de ensino superior, durante o período máximo de um semestre.

Sobre o programa
O programa de Bolsas Luso-Americana Santander Universidades integra a política de internacionalização e de valorização do ensino de graduação na Ufal e foi criado mediante a assinatura de convênio entre universidades brasileiras e o Grupo Santander, com o objetivo de potencializar a realização de projetos acadêmicos e culturais voltados ao aprimoramento da formação de alunos das Instituições de Ensino Superior (IES).

Inscrições
Os estudantes interessados devem se cadastrar no site do Santander Universidades até o dia 6 de maio e entregar a documentação exigida no edital em anexo, em sua respectiva coordenação, até o dia 10. Dentre os requisitos para se inscrever, o aluno deverá comprovar a condição econômica-social vulnerável, possuindo renda bruta familiar per capita menor ou igual a 1,5 salário-mínimo.

A seleção
Todo o processo de escolha dos bolsistas acontecerá em três etapas. A primeira acontece na coordenação dos cursos. O colegiado avaliará o histórico do aluno e critérios como frequência, rendimento acadêmico e etc. A segunda etapa é realizada pela Assessoria de Intercâmbio Internacional (ASI), que através de uma comissão de seleção, entrevistará os candidatos e observará alguns critérios como o desempenho acadêmico e habilidades de comunicação interpessoal; já a terceira e última etapa acontece na Gerência de Assistência Estudantil (GAE) na Pró-reitoria Estudantil. Os candidatos classificados nas primeiras duas etapas e que não tenham comprovado a condição econômica reconhecida pela Proest serão encaminhados a GAE nos dias 24 e 25 de maio para avaliação dessa condição.

Confira o edital e os anexos abaixo:

Fonte: Ascom UFAL